A pedido do presidente-executivo Pedro Guimarães, a Caixa Econômica Federal está preparando uma provisão extraordinária de até R$ 7 bilhões para perdas esperadas com calotes no financiamento imobiliário e com a desvalorização de imóveis que foram retomados pelo banco, disseram à agência Reuters duas fonte com conhecimento do assunto.
Site Ademi-RJ – 15/03/2019 | Leia mais